Cabeçalho

Fundado, em 22 de janeiro de 2012, o Núcleo de Correspondência Constitucionalistas de São Vicente, que tem como intuito: Promover, pesquisar e divulgar as conquistas, as consequências e os feitos inerentes à gloriosa revolução de 1932.

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Morre aos 100 anos, ex-combatente Piracicabano SCAR ANTONIO BRESSAN

Faleceu na cidade de Piracicaba, aos 100 anos de idade e era viúvo da Sra. Rosa Bressan. Era filho do Sr. Bressan Emilio e da Sra. Beatriz Rensi, ambos falecidos. Foi sua filha: Joana D'Arc Bressan Benatti, já falecida que fli casada com Alberto Maria Benatti Junior.

quinta-feira, 11 de julho de 2013

REVISTA NORTE-AMERICANA PUBLICA ENSINAMENTOS DO PRESIDENTE DA SOCIEDADE MMDC AOS ESTUDANTES SOBRE A REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1932

1PUBLICAÇÃO NA FAMOSA REVISTA DIGITAL CHAPEL DOS ESTADOS UNIDOS SOBRE ENSINO AOS ESTUDANTES MINISTRADO PELO PRESIDENTE DA SOCIEDADE MMDC DURANTE AULA DE ESTUDOS SOCIAIS BRASILEIROS.
  Coronel talks about the events during the Revolution of 1932
On the first of April, the students from the 9th and 10th Grades received a visit from the president of Sociedade M.M.D.C. (M.M.D.C. Society), Cel. Mário Ventura, during a lesson of Brazilian Social Studies. The lecturer´s contribution fits into the context taught to the students in the classroom about the ‘1930 Revolution’ and ‘Constitutionalist Movement of 1932’.

The abbreviation M.M.D.C., which today characterizes the upheaval, is the acronym of the initials of the names of the activists from São Paulo, Mário Martins de Almeida, Euclides Miragaia, Dráusio Marcondes de Sousa and Antônio Camargo de Andrade killed by the federal troops in a confrontation that took place on May 23, 1932, in the center of São Paulo.
This confrontation marks the beginning of the constitutionalist epic.

.
1
According to the teacher, this explains why in the “heart” of the city of São Paulo, in Vale do Anhangabaú, arose two of the city’s largest avenues : 23 de Maio (May, 23th) and Nove de Julho (July, 9th), the latter to honor the day the confrontation began.

Another curious fact that is attributed to the constitutionalist movement and to the M.M.D.C., besides the holiday in honor of the revolution, is that in almost all the cities in the State of São Paulo there is a street, square or avenue with the name “Nove de Julho”.

The president of the M.M.D.C.’s visit brought the topic of the Revolution to life in the classroom giving color and emotion to the facts stated in the textbook.
                                                                                                                                              TRADUÇÃO:

Coronel fala sobre os eventos durante a Revolução de 1932

No dia primeiro de abril, os estudantes do 9 º e 10 Graus receberam a visita do presidente da Sociedade MMDC, Cel. Mário Ventura, durante uma aula de Estudos Sociais brasileiros. A contribuição do professor se encaixa no contexto ensinado aos alunos em sala de aula sobre a Revolução de 1930 e o Movimento da Revolução Constitucionalista de 1932.

A sigla MMDC, que hoje caracteriza a convulsão, é a sigla das iniciais dos nomes dos ativistas de São Paulo, Mário Martins de Almeida, Euclides Miragaia, Dráusio Marcondes de Sousa e Antônio Camargo de Andrade mortos pelas tropas federais num confronto que ocorreu em 23 de maio de 1932, no centro de São Paulo. Este confronto marca o início da epopéia constitucionalista.

A sigla MMDC, que caracteriza hoje a revolta, é a sigla das iniciais dos nomes dos ativistas de São Paulo: Martins, Miragai, Dráusio e Camargo.

De acordo com o professor, isso explica o porquê no "coração" da cidade de São Paulo, no Vale do Anhangabaú, surgiram duas das maiores avenidas da cidade: 23 de Maio e Nove de Julho, esta última para homenagear o dia do início do confronto.

Outro fato curioso que é atribuído ao movimento constitucionalista e ao MMDC, além do feriado em homenagem à revolução, é que em quase todas as cidades do Estado de São Paulo há uma rua, praça ou avenida com o nome "Nove de Julho".

A visita do presidente do MMDC trouxe vida ao tema da Revolução na sala de aula dando cor e emoção aos fatos mencionados no livro.
Retirado do blog do Núcleo MMDC Voluntários de Piracicaba. 
Créditos ao SR. EGYDIO TISIANI.